No ano passado, a empresa brasileira de consórcios Embracon definiu uma meta: ampliar as vagas de emprego para maiores de 50 anos de idade. E, com ela, foi criado o Embracon 50+, um programa que visa ampliar os postos para trabalhadores mais velhos em todas as áreas da empresa.

Atualmente, dos cerca de 3.000 funcionários da companhia, 251 têm 50 anos ou mais. Deste total, 25% ocupa cargos de liderança, que vão desde supervisão até presidência. Dos outros 75% faz parte o analista sênior de TI Rinaldo Delisare Júnior, de 54 anos.

Matriculado no curso superior de análise de desenvolvimento de sistemas, ele conta que tem bolsa de estudos oferecida pela empresa. E que o segredo para se manter competitivo é a atualização. “É preciso estar informado sobre as novidades no mercado”, diz Rinaldo Júnior.

Para Gisele Maziero, analista de bem-estar da Embracon, a geração 50+ chega com experiência, além de muita paciência, especialmente em vendas. “Entendemos que as pessoas com mais idade não são tão imediatistas como os mais jovens”, destaca, acrescentando que, no ambiente de trabalho, tem havido aprendizado entre profissionais de diferentes faixas etárias.

A percepção da equipe da Embracon é validada por um levantamento feito pela Robert Half, consultoria de recrutamento especializado. O estudo apontou que os executivos de grandes corporações acreditam que o trabalho em conjunto entre diferentes gerações é importante para a troca de experiências. Na pesquisa, 77% disseram que as diferentes visões sobre o mesmo assunto são benéficas para a empresa. Novas ideias, qualidade do serviço e inovação também foram apontadas como resultado dessa integração.

Para maximizar os resultados dessa combinação de gerações no ambiente de trabalho, a Embracon prevê a abertura de vagas nas cidades em que há filiais (todas as regiões do Brasil), além da matriz, em Santana de Parnaíba (SP). Para se candidatar, basta acessar a área de ‘Trabalhe Conosco’ no site da companhia (https://www.embracon.com.br/o-embracon/trabalhe-conosco)

Contratação de pessoas com mais de 50 anos de idade

A Embracon não é a única a apostar em profissionais mais experientes. Confira, abaixo, outras cinco companhias que têm política de contratação de pessoas com mais de 50 anos de idade.

Atento – Desde a fundação, em 1999, a empresa da área de telecomunicações mantém política de diversidade, que inclui vagas de emprego para maiores de 50 (para concorrer a vagas, basta enviar um e-mail com currículo, nome, cidade e telefone com DDD para recrutamento@atento.com.br)

GPA (Grupo Pão de Açúcar) – O varejista tem política interna que busca promover a inclusão social e a qualificação profissional de jovens e de pessoas com mais de 55 anos (http://www.gpabr.com/pt/carreiras/)

Cencosud Brasil – O quarto maior supermercadista do Brasil contratou cerca de 700 pessoas com mais de 50 anos em 2017 (http://www.vagas.com.br/cencosudbrasil).

Gol – Com a campanha ‘Experiência na Bagagem’, passou a incentivar que pessoas com mais de 50 anos se candidatassem às vagas de emprego da companhia aérea  (http://www.vagas.com.br/gol-experienciabagagem)

TOTVS – A empresa brasileira de software criou, no ano passado, programa para incentivar a contratação e valorizar a geração 50+ (https://www.totvs.com/trabalhe-conosco).

 

Texto:  Instituto Mongeral Aegon

 

(JA, Fev18)